Esclarecimento sobre a regulamentação do comércio e uso do narguilé em Jarinu

Título incompleto pode gerar interpretação errada

O título das reportagens publicadas em jornais impressos e site de notícias sobre o projeto de lei que proíbe o uso do chamado “cachimbo d’água” em espaços públicos do município, pode levar a acreditar que a venda e o consumo estejam proibidos em Jarinu, o que não corresponde com exatidão ao previsto pela lei proposta pelo vereador Rodrigo Batistel e aprovada pelos demais vereadores presentes à última sessão da Câmara.
A nova lei prevê que o uso do narguilé fica proibido em espaços públicos e sua venda, assim como seus insumos, ficam proibidos para menores de 18 anos. A venda para maiores de idade e o consumo em espaços particulares seguem permitidos.


Publicado por: Imprensa - FPN

Publicado em: 10 de novembro de 2018

Cadastre-se e receba notícias em seu email

Compartilhe

Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter