Câmara de Jarinu recebe Solenidade de instalação do CEJUSC

Em solenidade ocorrida no Plenário Oswaldo Damásio de Oliveira, foi oficialmente instalado o CEJUSC (Centro Judiciário de Soluções de Conflito e Cidadania)

Na sexta-feira, dia 18, a Câmara Municipal de Jarinu abriu suas portas para o primeiro evento de grande importância para o município e sua população. Em solenidade ocorrida no Plenário Oswaldo Damásio de Oliveira, foi oficialmente instalado o CEJUSC (Centro Judiciário de Soluções de Conflito e Cidadania) do município. “É uma conquista muito importante para a população jarinuense”, comemorou o presidente da Câmara, vereador Rodrigo Batistel, um entusiasta do programa.

Idealizado pelo juiz de direito, Dr. Rogério Correia Dias, que até a data foi diretor do Fórum de Jarinu, o CEJUSC jarinuense é resultado de uma parceria entre o Poder Judiciário local, da Prefeitura de Jarinu e da iniciativa privada, através do Brazilian Business Park e da Unifaat, “que acreditarem na ideia e a tornaram realidade ao povo jarinuense”, afirmou o juiz.

12 advogados de Jarinu fizeram o curso de capacitação, para se tornarem conciliadores, dentre eles o presidente Rodrigo Batistel. Os 12 realizam agora o estágio obrigatório para, depois, atuarem no CEJUSC jarinuense. “agora a população conta com um serviço gratuito que vai tornar muito mais rápida a resolução de problemas judiciais relacionados, entre outros, ao Direito do Consumidor, cobranças, à guarda de filhos, à pensão alimentícia... São tantas as situações que poderão ser resolvidas com acordos rápidos e satisfatórios” afirmou Rodrigo Batistel, parabenizando o idealizador e os envolvidos.

A Solenidade foi presidida pelo desembargador José Carlos Ferreira Alves, Juiz Coordenador do NUPEMEC (Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos e Cidadania do TJSP), que resumiu a importância da humanização do Judiciário, com ações como o CEJUSC, citando o psicanalista Carl Jung, “Conheça todas as teorias, domine todas as técnicas, mas ao tocar uma alma humana, seja apenas outra alma humana”.

CEJUSC

O CEJUSC Jarinu funciona no prédio do antigo Fórum, na Avenida da Saudade das 09h00 às 17h00, sem intervalo para almoço. Lá o munícipe poderá procurar auxílio gratuito para solucionar o seu conflito. Apenas causas trabalhistas e criminais não são atendidas no local.


Publicado por: Imprensa - FPN

Publicado em: 19 de janeiro de 2019

Cadastre-se e receba notícias em seu email

Compartilhe

Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter